Poeta José Geraldo Corrêa
Autor dos livros Amor e Sabre, Sentenças do Corpo e O Abajur Público.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

Febre



A objeção ainda é o indefinido,
É o possível com lenço no rosto,
Sem tampar o olhar permissivo,
Sem abafar o gemido e o gosto.

É o não afirmando que se pode,
É o mercúrio sendo trinta e nove,
É a delícia, fantasma da vontade,
É a febre no corpo que se move.

 
Dado Corrêa
Enviado por Dado Corrêa em 20/05/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários